Jornal Nova Geração

ESTRELA

Um novo e seguro caminho até a escola

Vereadores aprovam indicação de piso tátil no trecho entre a casa dos meninos e a escola

Publicado dia 26 de novembro de 2021
261121_DUDU_MATEUSEGUSTAVO

Foi aprovada por unanimidade a instalação de piso tátil em um trecho entre a casa dos irmãos Mateus Augusto e Gustavo Henrique Kich e a Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Cônego Sereno Hugo Wolkmer, no bairro Auxiliadora.

Até os seis anos de idade, a visão dos gêmeos era perfeita. A partir daquele momento, uma distrofia retiniana, cuja origem não foi identificada, tirou a autonomia dos irmãos. “Buscamos muitos profissionais, inclusive em São Paulo, mas não encontramos a causa”, relata o pai, Márcio Kich. Agora, com 11 anos, Gustavo e Mateus querem ir sozinhos à escola. “O sonho deles é ir sozinhos à escola. E agora eles poderão ir”, revela a mãe, Marli Scheeren Kich.

A família mora em uma rua sem saída e segura. “Estamos construindo uma casa na rua Geraldo Pereira, e o piso proporcionará mais autonomia a eles”, explica Marli, que já pensa em obter a acessibilidade até o mercado próximo. A autoria da indicação foi do vereador Márcio Mallmann (PP), subscrita pelos demais vereadores.

Terrenos sem manutenção poderão ser desapropriados

A revisão do Código de Posturas do município chegou à Câmara de Vereadores. Segundo o secretário de Desenvolvimento, Inovação e Sustentabilidade (Sedis), Rodrigo Kich, as principais alterações no Código estão nas exigências em relação a edificações, além de lixeiras e terrenos baldios.

“As calçadas, por exemplo, estão sendo analisadas desde a construção dos prédios, assim como a instalação de lixeiras. A respeito dos terrenos, o proprietário será notificado. Caso não haja providências, ele será multado. Passado o prazo de providências, a multa dobra, e se nada for feito, pretendemos que o terreno seja desapropriado”, disse Kich.

O documento passou por setores da Administração Municipal, e agora passa por audiência pública, em data a ser definida. A seguir, o texto será analisado pelas comissões internas do Legislativo e segue para votação.

Uniformes e material escolar

Presente na sessão plenária dessa semana, a secretária de Educação Elisângela Mendes anunciou a distribuição gratuita de kit de material escolar, além de uniforme completo a todos os alunos da rede municipal. O anúncio ocorreu durante a Tribuna Livre dessa segunda-feira. No mesmo dia, foi protocolado o projeto de lei que busca a autorização para o andamento do processo licitatório. “Não podemos garantir que teremos tudo pronto para o início do próximo ano letivo, mas distribuiremos tão logo tivermos os itens em mãos”, declara a secretária.

Além disso, ela informa que os alunos de 8º e 9º anos terão cursos relacionados ao mercado de trabalho. “Firmamos parceria com a Faculdade La Salle, e nessa semana, 325 alunos da rede municipal de Educação, terão curso com carga horária de 24h” anunciou. Ainda conforme a secretária, a pasta está formulando avaliação institucional para projetar as metas para 2022.

R$ 144 milhões para 2022

Deu entrada no Legislativo, a Lei Orçamentária Anual (LOA). O documento, que estima a receita e fixa a despesa para o ano que vem, estabelece R$ 144 milhões. As secretarias que mais demandam recursos são Saúde, com R$ 41,7 milhões, Educação, R$ 39,1 milhões e Administração e Segurança Pública, com R$ 22.6 milhões. O orçamento para as pastas da Agricultura e Turismo, Esporte e Lazer foram estimadas em R$ 4,1 milhões e R$ 2,5 milhões, respectivamente.

Compartilhar conteúdo